Os 30 países onde Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi foi mais popular

Comité de ética japonês defende Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi

A adaptação da série de anime do romance Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi: Sokushi Mahō para Skill Copy no Chōetsu Heal (Redo of Healer) de Rui Tsukiyo foi envolvida em alguma controvérsia, mas isso não impediu que o anime se tornasse um dos mais populares do temporada em que estreou. Usando o Google Trends, que analisa tendências de pesquisa em todo o mundo por meio do Google, podemos ver em quais países o Redo of Healer teve o maior impacto.

1. China
2. Macau
3. Taiwan
4. Hong Kong
5. Mongólia
6. Bolívia
7. Japão
8. Coreia do Sul
9. Nicarágua
10. Peru
11. Indonésia
12. El Salvador
13. Paraguai
14. Malásia
15. Equador
16. Hungria
17. Panamá
18. Guatemala
19. Brasil
20. Honduras
21. Chile
22. Tailândia
23. Costa Rica
24. México
25. Venezuela
26. Colômbia
27. Filipinas
28. República Dominicana
29. Singapura
30. Argentina

O Brasil teve um interesse de investigação de 17 valores sendo classificado em 19º, enquanto em Portugal a anime foi muito menos popular com um interesse de investigação de 6 valores, no entanto, na Europa os portugueses foram os que mais procuraram por anime. Espanha (3), França (4), Reino Unido (1), Alemanha (1), Holanda (1), Itália (2).

Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi começou a ser publicado online em “Shōsetsuka ni Narō” (Vamos Tornar-nos Novelistas) em dezembro de 2016. Kadokawa começou a publicar o trabalho fisicamente com a arte Shiokonbu em julho de 2017.

Uma adaptação para mangá por Sōken Haga começou a ser lançada na Young Ace Up em outubro de 2017.

Sinopse de Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi

A história da “fantasia de vingança” desenrola-se à volta de Keyar, um curandeiro que é usado e atirado fora pelos seus colegas aventureiros na suposição de que os curandeiros não podem lutar sozinhos. No entanto, quando ele alcança a magia de cura definitiva e “cura” o próprio mundo vencendo o rei demónio sozinho. Com as habilidades que ganhou, ele volta quatro anos atrás no tempo para refazer tudo e vingar-se de todos.

A animação da adaptação para série anime é do estúdio TNK (High School DxD, Doreiku, Kandagawa Jet Girls), a direção é de Takuya Asaoka (direção de episódios de Senran Kagura Shinovi Master), o argumento é de Kazuyuki Fudeyasu (Girls’ Last Tour, That Time I Got Reincarnated as a Slime) e o design de personagens é de Junji Goto (High School DxD, Senran Kagura Shinovi Master).

Kaisen

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próxima Notícia

Temporada 2 de Made in Abyss em 2022

sex maio 7 , 2021
O site oficial da adaptação do anime de Made in Abyss, o mangá de Akihito Tsukushi, revelou que a segunda temporada estreará nas TVs em 2022 sob o título Made in Abyss: The Sun Blazes Upon the Golden City (Made in Abyss: Retsujitsu no Ōgonkyō). Como também informamos hoje, um […]